quarta-feira, 31 de agosto de 2016

A noite/1
Não consigo dormir. Tenho uma mulher atravessada entre minhas pálpebras. Se pudesse, diria a ela que fosse embora; mas tenho uma mulher atravessada em minha garganta. (p. 90)

sábado, 27 de agosto de 2016

"Alguns estão solteiros. Alguns estão casados e esperaram 10 anos para ter um filho, e outros tiveram um filho depois de um ano de casados.
Alguns se formaram aos 22 anos, e esperaram 5 anos para conseguir um bom emprego. Outros se formaram aos 27 e encontraram o emprego de seus sonhos imediatamente!
Alguns se tornaram presidentes de grandes empresas aos 25 e morreram aos 50, enquanto outros se tornaram presidentes aos 50, e viveram até os 90.
Cada um trabalha com seu próprio “fuso horário”. As pessoas conseguem lidar com situações apenas de acordo com seu próprio tempo. Trabalhe com o seu próprio tempo.
Seus colegas, amigos, e conhecidos mais jovens podem parecer estar “a frente” de você, e outros podem parecer estar “atrás”.
Não os inveje nem zombe deles. Estão em seu próprio tempo. E você está no seu!
Segure firme, seja forte, e seja verdadeiro consigo mesmo. Tudo irá conspirar ao seu favor. Você não está atrasado, nem adiantado, você está exatamente na hora certa!"
                                                                               Sri Sri Ravi Shankar

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

mudar

mudar de vida implica em uma nova procura...
em ter medo do novo, do que ainda não foi visualizado.
submeter-me...
enquanto o limiar entre a minha loucura e a sua vaidade, ainda me permite seguir, mesmo que na direção errada.
vez ou outra me sinto sozinha, completamente abandonada.
o cansaço rotineiro de acordar as 3 horas da madrugada e seguir acordada até agora(são 21h), já não é mais novidade.
preciso mudar, redirecionar, abortar a depressão, ir em outra direção.
...mais o corpo precisa de recursos que me são escasso, tento pensar em algo, tento não pensar e enlouqueço cada dia um pouco mais  

quarta-feira, 10 de agosto de 2016


Tem dias que acordo com  vontade de comer um prato de comida...
Mais lembro da conta de luz à pagar, da água à gastar, do gás à acabar...
Volto a dormir.
Fico lá quietinha como se esperasse um milagre ou que um sonho me transporte para aquele lugar de conforto.
Dá medo!

Nunca chega...

segunda-feira, 8 de agosto de 2016

E se o medo bater, deixe-o lá fora esperando...

domingo, 7 de agosto de 2016

Vencedores
Vence dores